Resenha: "Extinção"

Resenha: "Extinção"

15/05/2016 17:24

 

 

Editora: Casa das Letras (Leya)

Autor: Kazuaki Takano

Edição: 1

Número de páginas: 640

 

 

 

 

Sobre o autor

A única coisa que descobri sobre ele foi que já esteve ligada ao cinema, especialmente americano, tendo trabalhado como guionista. E que este é o seu primeiro livro traduzido.

 

A obra

Olá a todos!! :)

 

Como sabem, tive de interromper esta leitura, que (diga-se de passagem) estava a correr muito lentamente.. Claro que o facto de eu estar ocupado também influenciou! A verdade é que, quando voltei, não consegui parar de ler!! :)

 

A início, deparamo-nos com 3 histórias diferentes.

 

1. Johnatan Yeager: o seu filho pequeno sofre de uma doença incurável e, no início do livro, uma complicação declara-lhe cerca de um mês de vida. É um mercenário que vive da guerra e ao qual é oferecida uma missão: exterminar uma aldeia de pigmeus que sofre de um vírus passível de ser propagado e infetar toda a humanidade. Com o internamento do filho, precisa de dinheiro para o manter lá… Terá de trabalhar com outros 3 mercenários, mas será mesmo esse o objetivo da missão??

 

2. Kento Koga: é um jovem japonês, cujo pai (uma grande investigador na área de virologia) faleceu, deixando-lhe um laboratório escondido. Terá de investigar a cura de uma doença.. Mas não é só isso, Kento vai ser perseguido pela polícia internacional e por alguns desconhecidos, para além de investigar as pistas deixadas pelo pai.

 

3. Assuntos  diplomáticos: o conselho dos EUA está por trás da operação de Yeager e conhece os verdadeiros motivos da sua missão, uma grande ameaça ao poder da potência e da própria raça humana. Uma criança de 3 anos que tem uma capacidade cerebral muito superior ao supercomputadores, uma nova evolução da espécie humana. Vai conduzir a operação (até perder o controlo..) e intensificar a perseguição a Kento.

 

 

Bem, esta criança tem capacidades extraordinárias, conseguindo dominar a língua inglesa em 2 semanas, aprender o básico da matemática e, a partir dali, conseguir descodificar as proteções de números primos que os EUA usam para protegerem as suas mensagens encriptadas. E muito mais, ora vejam:

 

“Terão a faculdade de se aperceberem da quarta dimensão e de compreenderem imediatamente um todo complexo; possuirão um sexto sentido e uma consciência moral infinitamente desenvolvida – qualidades mentais que nos são inantigíveis”

 

A verdade é que começamos a acompanhar estas histórias, com alguma curiosidade (diga-se de passagem). No entanto, faltava qualquer coisa.. Uma ligação. Mas o autor sabe o que faz e vai estabelecendo essa conexão nos momentos certos, aumentando a nossa sede, que nos leva a virar as paginas a um ritmo estonteante!

 

Aconselho este livro a todos aqueles que apreciam ação, algum mistério.. E a todos aqueles que gostam de “ver” as histórias do lado de fora, de uma perspetiva diplomática também, ainda que com alguns sentimentos a “aguçar” a história! :)

 

Ao mesmo tempo que tudo isto se desenvolve, o leitor acompanha algumas dúvidas colocadas por esta mudança...

 

"Porquê, pensou, termos de viver num medo constante de que os humanos se matem uns aos outros? Esta ansiedade nunca abrandou desde que esses seres apareceram até ao presente, uma cadeia inquebrável de duzentos mil longos anos. O único inimigo dos humanos é a sua própria espécie - os outros humanos"

 

(foto do nosso Insta)

 

Gostei bastante do facto de terem, ao longo do livro, aparecido meia dúzia de histórias que acabam por se juntar e ter um determinado impacto na história principal.

 

Por outro lado, tem imensa “conversa” científica e de armas, etc. E isso acaba por ser um pau de dois bicos.. Porque, se para uns isso estimula à leitura pela aquisição de novos conhecimentos ou mesmo por já os terem; para outros pode tornar-se cansativo por não perceber nada do assunto e não ter qualquer interesse no assunto.

 

Considero que este livro daria um bom filme à americana com principal foco na aventura em África e nas decisões dos EUA.

 

Quanto à próxima leitura, tenho de me dedicar a “O Último Cabalista de Lisboa”, por motivos escolares! :)

 

 

Depois disso, poderemos voltar à TBR.. Na quarta feira, trago nova TAG! :)

 

Boas leituras!! ;)

 

Oferta de: