Resenha: "Guardiões da Luz"

Resenha: "Os Guardiões da Luz"

10/04/2016 20:04

 

 

 

  Editora: Chiado Editora

  Autor: Maria Luiza Xavier

  Edição: 1

  Número de páginas: 234

 

 

 

 

Sobre a autora

Nascida e criada no Complexo do Alemão, no Rio de Janeiro, Maria Luiza Xavier é a autora da Triologia Os Guardiões da Luz - O Despertar. Nascida em 1997, tomou gosto pela leitura aos poucos, sendo incentivada pela família, até descobrir o gosto pela escrita também.

 

A obra

Olá a todos!! :)

 

Hoje escrevo a minha opinião do livro “Os Guardiões da Luz”, o primeiro volume de uma trilogia com o mesmo nome.

 

Começarei, então, pela história em si…

 

O seu nome é Bianca. Tem 17 anos e a sua mãe faleceu quatro meses antes de “o livro começar”… Vive com o pai e com Emma (uma empregada da família que vê como uma mãe) num apartamento, em Nova Iorque.

 

Depois da morte da mãe, Bianca tem sonhado o mesmo vezes sem conta.. Que está a ser perseguida num castelo que desconhece por completo!

 

Mas algo mais estranho acontece: o seu corpo aquece demasiado, quase como se estivesse em chamas! E foi aí que o pai lhe revelou que ela era uma guardiã e que tinha de trabalhar os seus poderes, de modo a controlá-los convenientemente. Mas para tal seria necessário ela mudar-se para um castelo da sua família…

 

E lá começou a aventura.. Em conjunto com dois amigos, que afinal também eram de famílias de Guardiões, foi ensinada por outros três jovens que lá viviam, Jake, Tom (que veio a saber ser seu irmão…) e Serena.

 

Deram-se algumas perseguições, não só por parte de vampiros, mas também por uma tal “Milady”… Bem gostava de vos revelar a sua verdadeira identidade, mas seria um grande spoiler e teria de saltar para o final do livro…

 

Também nos deparamos com um pouco de romance: Bianca e Jake apaixonam-se..

 

 

Vamos, agora, à minha opinião… Fiquei muito desiludido, sabem? Pelo tema e pela trama (e mesmo pela capa rsrs), pensei que fosse algo diferente, mas para melhor! :(

 

Como devem ter percebido, a história podia ter sido aproveitada de outra forma, e bem trabalhada.. E, infelizmente, não achei que tivesse sido!

 

Desta vez, a escrita da autora não me cativou muito… E as repetições iam-me enervando, tanto em palavras usadas duas e três vezes na mesma frase, como em expressões repetidas vezes sem conta…

 

Erros! Eram uns atrás dos outros, mas não sei se é só culpa da autora, porque (e vou ser sincero, mesmo que a editora seja minha parceira; e tenho descoberto bons livros por meio dela!) eu ainda não li um livro da Chiado Editora que não tivesse erros…

 

Achei também um pouco cansativo o facto de serem sempre introduzidas descrições, principalmente de roupa… SEMPRE, mas SEMPRE que uma personagem entrava em cena, as suas roupas eram descritas ao pormenor (às vezes, uma página inteira!!).. E o pior era que  se tratava quase sempre da mesma descrição: jeans, blusa e all stars…

 

Bem, existe ainda outro pormenor: considerei o livro um tanto superficial.. Sim, existiam certas partes que “exigiam” um toque pessoal, um desabafo das personagens, e ele simplesmente não existiu (SPOILER – nem quando o pai foi assassinado!!).

 

Gostava de terminar com um pequeno comentário: o livro e a história em si até não é má; só peço à autora que atente em alguns pontos (quem sou eu..? Mas…) e que tente desenvolver a história de uma outra forma (porque ela TEM muito sumo!!).

 

No entanto, tenho ainda alguma curiosidade quanto ao próximo volume! :) Vou dar uma “nova oportunidade” à autora! Ahah :)

 

Claro que isto, como sabem, é subjetivo: e o que eu não gosto, o outro pode adorar…

 

Vou ficar por aqui, então! :)

 

Boas leituras!! ;)

 

Oferta de: